COVID-19. Abrimos nossas fronteiras. Leia a informação aqui..

Procure em La Ruta Natural

Aqui você pode pesquisar na página de La Ruta Natural o conteúdo desejado.

Pesquisar:

Rota do Mar Patagônico

Chubut, Río Negro, Santa Cruz

Com sua incrível fauna, a Rota do Mar Patagônico revela um dos grandes paraísos naturais da Argentina.

É um dos melhores destinos do mundo para ver baleias e fauna marinha. Cada mês propõe um motivo diferente para fazer este roteiro que surpreende com suas paisagens espetaculares, animais, praias solitárias, gastronomia típica, esportes náuticos e o charme de vilas e cidades litorâneas e ribeirinhas. 

É um dos melhores destinos do mundo para ver baleias e fauna marinha. Cada mês propõe um motivo diferente para fazer este roteiro que surpreende com suas paisagens espetaculares, animais, praias solitárias, gastronomia típica, esportes náuticos e o charme de vilas e cidades litorâneas e ribeirinhas. 

Como descobri-la

A Rota do Mar Patagônico é uma região que cobre quase 1.500 quilômetros entre as costas de Río Negro, Chubut e Santa Cruz, com muitas opções para planejar sua viagem. Vai depender das distâncias que você deseje percorrer, do tempo de que disponha, da forma como decida se deslocar (de carro, avião ou ônibus) e das experiências que pretenda viver.

Viedma e Las Grutas. São as duas portas de entrada para começar a viagem pelas costas do Río Negro e desfrutar dos despenhadeiros, as grandes praias de areia em Baía Creek e das águas mais temperadas da Patagônia, no Golfo de San Matias. A cidade de Viedma conta com aeroporto.

 

Puerto Madryn e Trelew. Com aeroporto e boa infraestrutura hoteleira, ambas as cidades podem ser o ponto de partida para explorar o litoral de Chubut. Você poderá ver baleias francas, nadar com leões-marinhos, descobrir em Punta Tombo a colônia mais importante de pinguins-de-magalhães e percorrer as praias e falésias da Península de Valdés.

 

Comodoro Rivadavia. Se a sua ideia é percorrer o sul de Chubut partindo da Baía Bustamante até Cabo Dos Bahias e o litoral norte de Santa Cruz até Puerto Deseado e Ilha Pinguino, Comodoro Rivadavia (com aeroporto e boa infraestrutura) é a opção ideal para começar um verdadeiro roadtrip de observação de fauna e praias solitárias. a viagem.

 

Río Gallegos. Partindo desta cidade, que conta com aeroporto, você pode descobrir, ao norte, o litoral da província de Santa Cruz, visitando o Parque Nacional Monte León e chegar até Puerto San Julián, onde se mistura a riqueza natural com os anos de história. 

Como chegar e circular

 

Há voos regulares para Viedma, Trelew, Comodoro Rivadavia, Puerto Madryn e Río Gallegos. Nos aeroportos, em geral, há agências de aluguel de carros. Há também serviços regulares de ônibus vindos de diferentes cidades.

 

O eixo principal entre as localidades é a RN 3, totalmente pavimentada. Você pode viajar de carro, contratar transfers e excursões, ou com serviços regulares de transporte.

 

Em toda a região, as principais estradas estão pavimentadas. Os caminhos secundários de cascalho costumam estar em boas condições e são transitáveis com todo tipo de veículos.

 

Onde dormir

 

Os principais destinos turísticos e as cidades mais importantes como Viedma, Comodoro Rivadavia, Río Gallegos, Las Grutas, Madryn e Puerto Deseado possuem boa oferta hoteleira. 

 

Nas localidades menores como Pirâmides, Camarones e Puerto San Julián, a oferta é menor e é conveniente fazer reserva antecipada se viajar em alta temporada. Para viver uma experiência de silêncio e pura conexão com o mar, também há hospedagens alternativas mais isoladas em baías, cabos e enseadas. A oferta é variada: refúgios, camping, domos e lodges para todos os gostos e orçamentos. 

Quando ir

 

Para observar a fauna marinha é fundamental rever o calendário da região. Algumas espécies podem ser vistas o ano todo, outras, apenas por alguns meses. 

 

Para desfrutar da praia, de novembro a março.

 

Para mergulho, de abril a setembro há melhor visibilidade, mas de outubro a março a temperatura da água é mais alta e há mais variedade de fauna.

 

+Informações: clique em CLIMOGRAMA E CALENDÁRIO DA NATUREZA.

Para levar em conta

 

Dado o contexto sanitário, saiba com antecedência quais são os requisitos de acesso que a província da sua escolha tem. Algumas atrações podem ter uma capacidade limitada de visitantes que deve ser consultada com antecedência.

 

Consulte o calendário da fauna ao planejar sua viagem.

 

Se viajar de carro, respeite sempre as velocidades máximas para evitar

acidentes, não perturbar a fauna e não danificar o veículo nas estradas de cascalho.

 

As distâncias são longas e há poucos postos de gasolina. Sempre é conveniente reabastecer o veículo antes de pegar o caminho. 

 

Em muitos lugares não há sinal de celular ou Wi-Fi.

 

Verifique o estado das estradas e os horários das marés tanto para desfrutar da praia quanto para observar a fauna.

Navegue pela rota